Tags

,

Image

Rasgue a fantasia
E venha ver sua filha, que beleza
Vestida de princesa, em torpe alegria
Recheada de fome e tristeza

Reveja a fita
Do samba na avenida
Na quarta ponha cinzas
Pois, a vida tem muitas passarelas

Poema escrito em fevereiro de 1978.

Anúncios